18 de mai de 2011

Filme de Quinta (NOVO LOCAL)


A Princesa e o Violinista – Dir. Guto Bozzetti
Recorte / 2D - 10min30seg – 2008 – Porto Alegre-RS

Trata-se de uma fábula sobre o surgimento da tristeza. Pelos olhos de uma menina, descobrimos uma bela história, enquanto ela tenta entender o que sua mãe está sentindo.

Queda Livre – Dir. Marcelo Vidal/Renan de Moraes
3D – 1min10seg – 2009 – Rio de Janeiro – RJ

Terror e pânico. Plínio um desengonçado Quati, salta de pára-quedas em uma frenética queda livre.

Papercut – Dir. Pedro Eboli
Tradicional 2D - 4min13segs – 2008 – São Paulo – SP

A vida no escritório pode acabar com você. Ainda mais quando um pequeno corte de papel transforma a vida do nosso herói numa caçada surreal. Agora, é todo o escritório contra um, numa luta pela vida e por sua própria identidade. Uma animação de humor e realismo fantástico feita por alguém que nunca agüentou a vida num cubículo.

O Jumento Santo e a cidade que se acabou antes de começar– Dir. William Paiva e Leo D. 2D - 11min – 2007 – Olinda – PE

Quando Deus resolve criar o mundo, as coisas acabam não saindo como planejado. O sertão nunca mais será o mesmo, depois que o jumento Limoeiro vem a terra pra dar um jeito na humanidade, que depois de sucumbir à tentação do capeta, acaba botando o mundo em desordem.

O Quarto do Jobi – Boca Aberta - Dir. Andrés Lieban
2D Digital – 1min06seg – 2008/2009 – Rio de Janeiro- RJ

Como qualquer criança de sua idade, Jobi adora chegar em casa e fechar a porta do seu quarto. Afinal, qual é o menino de 9 anos que não curte esse primeiro gostinho de privacidade? O que descobrirmos ao espiar Jobi é que, dentro do quarto, ele e seu melhor amigo o sapo Oscar, encontram um atalho para o mundo.

Silêncio e Sombras – Dir. Murilo Hauser
3D - 8min33seg – 2008 – Curitiba – PR

Quem cavalga tão tarde pela noite e pelo vento?

O Anão que virou Gigante – Dir. Marão
2D tradicional (lápis no papel) - 10min – 2008 – Rio de Janeiro- RJ

A improvável – todavia autêntica – história do anão que virou gigante.

Linhas e Espirais – Dir. Diego Akel
Pintura digital - 2min16seg – 2009 – Fortaleza – CE

Sentimentos e expressões misturam-se numa harmonia conflitante, em forma de pintura animada.

Dossiê Rê Bordosa - Dir. César Cabral
Stop Motion - 16min – 2008 – Santo André - SP

Fama? Ego Inflado? Espírito de Porco? Quais os reais motivos que levaram Angeli a matar Rê Bordosa, sua mais famosa criação? Este documentário em animação stop motion investiga este vil crime.

Filme de Quinta

Sempre as quintas-feiras, o Filme de Quinta mudou de local, às 20h no bairro da Serraria, no Anexo Parmegiano. Esta iniciativa é uma realização de Arnaud & Ernani Produção Cultural, do Barracão Cine Clube, Cine Olho Vivo em nova parceria com o  Anexo Music Bar.

Serviço

Dia Mundial da Animação 2009

Data: 19 de Maio

Local: Anexo Music Bar, Avenida Menino Marcelo, 09, serraria (Início da Via Expressa)

Horário: 20h

Entrada Franca!

10 de mai de 2011

5x Favela - agora por nós mesmo


O Cine OLHO VIVO apresenta nessa sexta (13/05) na tenda da cultura estudantil o filme de Cacá Diegues que reúne cinco curtas produzidos literalmente pela favela. São cinco estórias construídas pela comunidade através de oficinas ofertadas e dirigidas pelo cineasta. É uma proposta inovadora e que traz a visão da favela sobre a própria favela. 
Teremos como facilitador o convidado CADU Ávila, Sociólogo, Músico e Produtor Cultural, e membro do Cine OLHO VIVO. 

Serviço
Cine OLHO VIVO
Filme: Curtas "Crianças Invisíveis"
Data: 29 de Abril (Sexta)
Horário: 17:30
Ingressos: GRATUITOS 
Mais informações: 
(82) 8823-3824 (Bárbara) 

Filme de Quinta



O Projeto Filme de Quinta continua apresentando uma programação toda especial para você neste mês de maio, AnimaMAIO, todas as quintas deste mês serão exibidos curtas metragens de animação do Brasil e do mundo. Prestigie e chame os amigos!

Animações para adultos 2 - Humor

Almas em Chamas
Uma incendiaria história de amor.

Biribinha Atômica
Cansados das mesmas Biribinhas que não tinham a menor graça, o Mundo Canibal resolveu lançar a Biribinha Atômica que vai deixar a criançada muito mais contente!!!

Cidade fantasma
Jovem assalariado encontra garota no verão de Porto Alegre

Essa Animação Não Tem Nome
Animador leva projeto de animação para produtor de TV regional do interior de SP.Frustrado com a primeira experiência, participa da primeira reunião da Sociedade dos Cineastas Anônimos do Interior

Hotel do coração partido
Ronaldo era especial, seu coração era evidentemente maior que os corações normais...

Os três porquinhos
A HISTÓRIA INFANTIL ADAPTADA À REALIDADE BRASILEIRA QUEM TEM MEDO DO LOBO MAU?

Quando Jorge foi à guerra
1942, numa época de grande exclusão social, Jorge era o maior deles, e apesar de todos os obstáculos, ele os superou e alcançou seu objetivo.

Santa De Casa
Oséias leva uma vida desregrada até que sua mulher tem problemas no parto. Desesperado, faz então uma promessa: se a filha sobrevivesse, ela se chamaria Aparecida; ele pararia de fumar; e durante três Carnavais ele vestiria ela de santa e a colocaria em cima de um andor no meio do seu bloco, o Grêmio Carnavalesco Quem Nunca Sentiu Vai Sentir Agora.

Sushiman
Tentativa desesperada de resolver um triângulo amoroso.

Ficha Técnica

Almas em Chamas de Arnaldo GalvãoSP, 2000, Animação, Colorido, 11 min.

Biribinha Atômica de Ricardo Piologo , Rodrigo Piologo e Rogério Vilela, SP, 2006, Animação, Colorido, 3 min.

Cidade fantasma de Lisandro Santos, RS, 1999, Animação, Colorido, 7 min.

Essa Animação Não Tem Nome de Gustavo Russo e Thomas Larson  SP, 2002, Animação, Colorido, 3 min.

Hotel do coração partido de Raoni Assis, PE, 2006, Animação, Colorido, 4 min.

Os três porquinhos de Cláudio Roberto, RJ, 2006, Animação, Colorido, 4 min.

Quando Jorge foi à guerra de Tadao Miaqui, PR, 2004, Animação, Colorido, 8 min.

Santa De Casa de Allan Sieber, RJ, 2006, Animação, Colorido, 18 min.

Sushiman de Pedro Iuá,  RJ, 2003, Animação, Colorido, 20 min.


Filme de Quinta

Surge mais uma opção de exibição de filmes em Maceió. Sempre as quintas-feiras, às 20h no bairro do Jaraguá, acontecerá o projeto Filme de Quinta no Barroco Comedoria. Esta iniciativa é uma realização de Arnaud & Ernani Produção Cultural, do Barracão Cine ClubeCine Olho Vivo e Barroco Comedoria.

Serviço


Animações para adultos 2 - Humor
Data: 12 de Maio

Local: Barroco Comedoria – Rua Sá e Albuquerque, 620, Jaraguá (Em frente à Receita Federal)

Horário: 20h

Entrada Franca e Pipoca Grátis!

Mais informações:  3327-7316 / 8878 1465 / 9926 0573 / http://arnaudeernaniproducaocultural.blogspot.com/

4 de mai de 2011

Filme Maracatu, Maracatus

As diferenças culturais entre as várias gerações de integrantes do Maracatu rural, ritual afro-indígena que tem suas origens nos engenhos de açúcar de Pernambuco são relatas no documentário Maracatu, Maracatus. Curta de 35 min mostra-nos  a importância do Maracatu Rural e sua origem. O Cine OLHO VIVO exibirá nessa quinta e sexta (Arapiraca e Maceió - respectivamente) esse curta na programação de lançamento do Programa de Vivência de Arte da UFAL. A sessão será em parceria com o Projeto Vivendo Maracatu que demonstrará um pouco do Ritmo que vêem desenvolvendo nas oficinas de Maracatu na Universidade. Agradecemos ao Coletivo AfroCaeté que tornou esse momento possível, Obrigado!





Ficha Técnica
Direção:
Tipo:
Ficção / Documentário
Formato:
35mm
Ano Produção:
1995
Origem:
Brasil (PE)
Cor / PB:
cor
Duração:
14 min.

Prêmios:
Melhor Fotografia - Festival de Cuiabá 1995
Melhor Curta 35mm - Festival de Brasília 1995
Melhor Ator - Festival de Brasília 1995
Melhor Som Direto - Festival de Brasília 1995
Elenco:
Roteiro:
Fotografia:
Direção de Arte:
Som:
Música:
Montagem:
Produção:
Produtora:






O Projeto Filme de Quinta apresenta uma programação toda especial para você neste mês de maio, AnimaMAIO, todas as quintas deste mês serão exibidos curtas metragens de animação do Brasil e do mundo. Prestigie e chame os amigos!


O Melhor de Anima Mundi - Volume 6

A Equilibrista [Itália/França, 2002. Direção de Roberto Catani] – Poético e reflexivo, o curta do diretor Catani comunica pelas imagens e pela música de fundo, numa viagem pelas formas das pessoas e de objetos. Conta-nos, sem a utilização de palavras, a história de um amor em construção, de uma história de separação e distanciamento que poderia muito bem ser a da vida de muitos espectadores. A própria protagonista da animação, a equilibrista, é uma metáfora para uma vida de idas e vindas, de encontros e desencontros... 6’

Duelo de Cavaleiros [EUA, 2006. Direção de Sean McNally e Francisco Ruiz Velasco] – Animação que encanta pelo apuro técnico e visual, a preocupação com os detalhes, a reprodução esmerada do contexto em que se desenvolve a trama, Duelo de Cavaleiros é uma escrachada comédia de hábitos. Os diretores McNally e Velasco nos colocam em plena Idade Moderna, nos jardins e arredores de um palácio francês pertencente a algum membro da nobreza e nos mostram a história de um inglês e um francês que disputam num duelo, para lá de modernizado, a companhia de uma bela dama... Muito engraçado, confiram! 8’

Lapsus [Argentina, 2007. Direção de Pablo Zaramella] – O mais breve de todos os curtas e, tecnicamente, o mais simples de todos os que compõem o DVD [o filme é trabalhado exclusivamente em preto e branco], a produção do argentino Pablo Zaramella é, no entanto, uma das mais ousadas. Não há propriamente uma trama, no sentido mais convencional da palavra. Acompanhamos uma freira em seu caminhar até que ela se depara com a escuridão e fica sem saber exatamente o que deve fazer. Ao desafiar o lado negro da tela, ela é submetida a inúmeras transformações...  4’
Mesmo os pombos vão ao paraíso [França, 2007. Direção de Samuel Tourneux] – Aparentemente despretensioso quanto à narrativa, cujo enfoque maior parece ser o humor, o curta do diretor Tourneux surpreende ao trabalhar temas como a morte, o pecado e a religiosidade de forma sutil. Não há pombos nesta história, o termo é utilizado para se referir a um padre, antenadíssimo na vida de sua comunidade, que quer aumentar os rendimentos da igreja [ou pessoais, quem saberá?] convencendo o pobre senhor Moulin a comprar uma engenhoca que o levará ao paraíso... Criativo e de visual esmerado, Mesmo os pombos vão ao paraíso é uma boa diversão e também interessante para reflexões sobre os temas subliminares que trabalha. 9’

Moya Lyubov [Rússia, 2006. Direção de Aleksandr Petrov] – O mais longo e o mais belo curta de animação da coletânea Anima Mundi 6, o filme de Aleksandr Petrov honra a melhor tradição da literatura russa [ e dos eternos clássicos de Leon Tolstoy, Anton Tcheckhov, Fiodor Dostoievsky, Alexander Pushkin...] e, se não bastasse isso, ao longo de seus 26 minutos desenvolve a narrativa utilizando-se da estética impressionista celebrizada mundialmente pelo mestre francês Claude Monet. Sua belíssima e poética história nos coloca em contato com os dilemas de um jovem russo, ainda na casa dos 15 ou 16 anos, de família bem estabelecida, numa Rússia rural e distante no tempo, que se vê dividido entre os sentimentos que nutre pela filha dos serviçais que trabalham em sua casa e uma bela e aparentemente bem estabelecida jovem [mais velha do que ele] de sua vila. Foi certamente a produção que mais me impressionou e comoveu. Uma obra-prima! 26’

Pax [Brasil, 2005. Direção de Paulo Munhoz] – Numa sala de reuniões se encontram representantes de diferentes religiões a discutir alternativas por um mundo melhor. Todos rezam pela paz. Todos querem harmonia entre os povos. Mas nem mesmo entre eles é possível conseguir isso! O diretor Paulo Munhoz desenvolve trabalho stop motion, utilizando-se de esculturas produzidas com massa de modelar, para nos colocar frente a frente com o enfrentamento entre aqueles que dizem lutar pela paz, mas que, no fundo [ou nas coxias, atrás das cortinas], se engalfinham por mais poder e influência. Crítico e bem-humorado, Pax é merecedor dos prêmios e menções que tem recebido e representa, com méritos, a boa qualidade de nossas produções em curta-metragem. 14’

Sr. Schwartz, Sr. Hazen e Sr. Horlocker [Alemanha, 2007. Direção de Stefan Müller] – O mais hilário de todos os curtas disponíveis no DVD Anima Mundi 6, a produção alemã tem uma estrutura visual um tanto quanto psicodélica e é, certamente, a única entre todas que se assume politicamente incorreta ao trabalhar temas como consumo de drogas e sexualidade em uma animação. Num mesmo condomínio moram os senhores Schwartz, Hazen e Holocker. Cada um deles tem seu universo particular, como todos nós em nossas vidas cotidianas, mas as paredes escondem não apenas as diferenças mais casuais e, sim, propostas de vida totalmente diversas. Enquanto o senhor Schwartz é o cidadão modelo, tradicional e quer apenas ler o seu jornal... Hazen e Holocker estão vivendo no limite e, entre eles, não poderia dar outra coisa senão... Virar caso de polícia... Confiram! Engraçadíssimo! [Obs. Este curta de animação não é recomendado para projetos com turmas de Ensino Fundamental; Aplica-se mais para trabalhos com Ensino Médio, EJA e 3º Grau]. 8’

Vida Maria [Brasil, 2006. Direção de Márcio Ramos] – Refletir sobre as dificuldades e agruras de existências humanas, em tempo tão restrito quanto o de um curta-metragem, e nos fazer pensar sobre como nos repetimos e tornamos a vida previsível é obra para poucos e merece sempre respeito e atenção. O diretor Márcio Ramos se propôs o desafio e realizou, com Vida Maria, um excelente trabalho. Através da vida de Maria, de sua infância até a velhice, tudo se passando na tela, diante de nossos olhos em questão de poucos minutos, vemos a dura realidade do agreste nordestino, de suas terras áridas e colheitas minguadas e como esse contexto também torna a existência de quem por ali vive igualmente seca, desprovida de brilho, sonhos... O mais questionador e reflexivo de todos os curtas... Outra pérola! 5’

Filme de Quinta

Surge mais uma opção de exibição de filmes em Maceió. Sempre as quintas-feiras, às 20h no bairro do Jaraguá, acontecerá o projeto Filme de Quinta no Barroco Comedoria. Esta iniciativa é uma realização de Arnaud & Ernani Produção Cultural, do Barracão Cine ClubeCine Olho Vivo e Barroco Comedoria.

Serviço

O Melhor de Anima Mundi - Volume 6

Data: 05 de Maio

Local: Barroco Comedoria – Rua Sá e Albuquerque, 620, Jaraguá (Em frente à Receita Federal)

Horário: 20h

Entrada Franca e Pipoca Grátis!

Mais informações:  3327-7316 / 8878 1465 / 9926 0573 / http://arnaudeernaniproducaocultural.blogspot.com/